ACESSIBILIDADE

SUSAM

Secretaria de Estado de Saúde



Reforma de laboratórios, na Fundação Alfredo da Matta, amplia em 50% capacidade de atendimento

19/12/2017 09:54:31

A Fundação de Dermatologia Tropical e Venereologia Alfredo da Matta (FUAM), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Saúde (SUSAM), está concluindo a reforma da ala de laboratórios, o que aumentará a capacidade de atendimento à população em até 50%. A nova gestão da Susam garantiu orçamento para finalizar a obra e a compra de mobiliário. A previsão é que tudo seja entregue no início de 2018.


Orçada em R$ 290 mil, a reforma, além de aumentar a capacidade de produção, tem como objetivo adequar os laboratórios às normas exigidas pelo Ministério da Saúde (MS). Os laboratórios da FUAM realizam análises nas áreas de Micologia, Bacteriologia, Micobacteriologia, Imunologia, Análises Clínicas, Biologia Molecular e Histologia. É por meio desta estrutura que a equipe da fundação fecha os diagnósticos de seus pacientes, para doenças como hanseníase, DSTs e câncer de pele.  


O secretário estadual de Saúde, Francisco Deodato, ressalta que o novo governo entende que é preciso reforçar o apoio às suas fundações de saúde, para que possam aprimorar seus serviços e atender cada vez melhor a população. “Estamos trabalhando para que esta instituição continue avançando, no sentido de melhor atender as pessoas, com um corpo técnico que dá uma demonstração de comprometimento com a população do Amazonas”, disse Deodato.


Para o diretor-presidente da Fundação, Helder Cavalcante, o apoio da SUSAM é essencial para ampliar o atendimento à população e atingir a meta da nova gestão do órgão, de reduzir as filas de espera na saúde.


“Com o apoio da SUSAM, pretendemos reabrir nos próximos meses estes serviços, ampliando a nossa capacidade de atendimento em 50%. Além disso, vamos poder oferecer serviços mais especializados, com maior celeridade”, ressaltou o diretor.


A FUAM é um centro de referência estadual, nacional e internacional nas áreas de Hanseníase, Dermatologia Tropical e Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST). A unidade tem como finalidade realizar ações de prevenção e atendimento ambulatorial a pacientes de Hanseníase e à população em geral, que busca assistência em Dermatologia Clínica, DST/Aids e Cirurgias Dermatológicas, com atendimento a pacientes com câncer de pele.


A Fundação atua, ainda, nas áreas de ensino e pesquisa, com cursos e treinamentos; estágios; com o Programa de Residência Médica em Dermatologia, além do curso de Mestrado Profissional em Ciências Aplicadas à Dermatologia (UEA/FUAM).