ACESSIBILIDADE

SUSAM

Secretaria de Estado de Saúde



CAICs discutem a saúde mental com foco em crianças e adolescentes

18/01/2018 08:36:56

Campanha dedicada a colocar a Saúde Mental em evidência, o Janeiro Branco é tema de uma extensa programação ao longo deste mês, nos Centros de Atenção Integral a Criança (CAICs), unidades administradas pela Secretaria de Estado de Saúde (SUSAM).
Nesta quinta-feira (18/01), o CAIC José Carlos Mestrinho, no bairro Crespo, zona sul de Manaus, realizará uma roda de conversa voltada para pais e responsáveis por crianças e adolescentes com problemas emocionais, escolares e de comportamento.
A roda de conversa será das 15h às 16h, na brinquedoteca do CAIC. Há 20 vagas disponíveis e os interessados em participar do diálogo devem procurar a secretaria do Centro.
Também no CAIC José Carlos Mestrinho, no dia 25, haverá a ação “Brincar também é Saúde Mental”. O evento chamará atenção de pais e responsáveis das crianças atendidas na unidade, para a importância do brincar para o desenvolvimento dos filhos. O evento será das 13h às 16h, e oferecerá às crianças brincadeiras como Elástico, Amarelinha, Escravos de Jó, Dança da estátua, Bambolê, Corrida de fichas, Cinco Marias, Jogo da forca e desenhos para colorir.
O CAIC José Contente também terá programação voltada para a discussão da saúde mental das crianças. No dia 18, a equipe do Centro realizará uma atividade com pais e responsáveis que estiverem aguardando atendimento na unidade, sobre o tema “Abuso infantil e suas repercussões na saúde física, mental e social”.
A atividade será realizada por profissionais das áreas de psicologia, assistência social e enfermagem. O CAIC José Contente fica localizado na avenida Autaz Mirim, no bairro Cidade Nova, na zona norte de Manaus.
Para os pais interessados em saber mais sobre sinais e sintomas de doenças mentais, o CAIC Dra. Maria Helena Freitas de Góes realizará no dia 25 uma palestra, às 10h30, sobre a Síndrome de Bournout – um distúrbio psíquico de caráter depressivo, precedido de esgotamento físico e mental intenso. O Centro fica localizado na avenida Chico Mendes, no Novo Israel, zona norte de Manaus.
Fechando a programação, até o dia 19 deste mês o CAIC Afrânio Soares, no bairro Tancredo Neves, oferece aos seus usuários e servidores, sempre a partir das 7h30, informações sobre saúde mental e emocional.
Além dos CAICs, o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) Silvério Tundis, no bairro Santa Etelvina, e o Centro de Reabilitação em Dependência Química Ismael Abdel Aziz (CRDQ) também têm programações voltadas para temas relacionados à saúde mental, durante todo o mês.
A coordenadora da Rede de Atenção Psicossocial do Amazonas, Luciana Diederich, diz que é importante que desde cedo os pais fiquem atentos às relações e interações que os filhos desenvolvem, porque são nessas experiências, ruins e boas, que o indivíduo constrói sua personalidade.
“É nessa fase da vida que a gente passa por frustrações, e elas vão construir nossa identidade. Isso vai se refletir na vida adulta. Então, os pais devem ficar atentos para o quanto a criança é feliz, brinca e interage com as outras. É interessante notar que, quase sempre, os traumas e medos que os adultos revelam estão relacionados à infância deles”, conta Luciana.
A psicóloga e técnica da Coordenação da Rede de Atenção Psicossocial do Amazonas, Nayandra Stéphanie Souza Barbosa, explica que a campanha Janeiro Branco é dedicada a colocar os temas da Saúde Mental em evidência no mundo, com discussões sobre prevenção ao adoecimento emocional. “A campanha tem o objetivo de promover a sensibilização das instituições sociais, públicas e privadas, em relação à importância de projetos estratégicos, políticas públicas, recursos financeiros, espaços sociais e iniciativas socioculturais empenhadas em valorizar e atender as demandas individuais e coletivas, direta ou indiretamente, relacionadas aos universos da saúde mental”, afirma Nayandra.
Saúde Mental na rede pública – Os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) são alguns dos instrumentos disponíveis na rede pública, voltados para a assistência em saúde mental. O atendimento é feito por meio de demanda espontânea ou de encaminhamento pela rede ampliada de assistência, incluindo os serviços de saúde, de assistência social ou de justiça.
O quadro de profissionais dos CAPS inclui médico, assistente social, psicólogo, nutricionista, terapeuta ocupacional, enfermeiro, educador físico e farmacêutico. O atendimento pode ser individual ou em grupos, com oficinas terapêuticas, visitas domiciliares, acompanhamento das famílias e atividades comunitárias.
A Rede de Atenção Psicossocial dispõe dos seguintes CAPS em Manaus:
 
·         CAPS Silvério Tundis - Av. 7 de maio, s/n, Santa Etelvina (gestão estadual) e CAPS Benjamim Matias Fernandes - Av. Maneca Marques, Nº 1916, Parque 10 de novembro (gestão municipal). Ambos são serviços especializados no atendimento a pessoas adultas com transtornos mentais graves e persistentes. Funcionamento de 24 horas por dia.
·         CAPS AD III Dr. Afrânio Soares (gestão municipal) - Av. Efigênio Sales, nº 5, Conjunto Jardim Espanha, Aleixo. Serviço especializado no atendimento aos adultos com problemas decorrentes do uso de álcool e outras drogas. Funcionamento 24 horas por dia.
 
·  CAPS III Benjamim Matias Fernandes (gestão municipal) –Av. Maneca Marques, 1916 – Parque 10, zona sul, e recebe casos identificados em adultos com história de internação psiquiátrica, psicoses, esquizofrenia e outros sofrimentos psíquicos graves e crônicos, como depressão grave, ansiedade crônica, transtorno bipolar e de humor.
 
·         CAPSi Leste (gestão municipal) - Av. Adolfo Duque, nº 1221, Conj. Acariquara – Coroado. O Centro de Atenção Psicossocial Infantil é um serviço especializado no atendimento a crianças e adolescentes com transtornos mentais e problemas decorrentes do uso de álcool e outras drogas. Conforme orientação do Ministério da Saúde (MS), o CAPSi é também destinado ao atendimento de crianças e adolescentes com transtorno do espectro autista (TEA). O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17 horas.
 
Além dos CAPS, pessoas que apresentem algum tipo de sofrimento psíquico podem procurar as Unidades Básicas de Saúde (UBS) ou Policlínicas que estão habilitadas a prestar atendimento ou, se necessário, referenciar usuários para pontos especializados da Rede de Atenção Psicossocial, de acordo com a necessidade.
 
UBS da Rede Municipal com serviço de Psicologia
·         UBS Armando Mendes - Rua 05, s/n, Manoa – Cidade Nova I;
·         UBS Deodato de Miranda Leão - Av. Presidente Dutra, s/n – Glória;
·         UBS Leonor de Freitas - Av. Brasil, s/n – Compensa II.
 
Policlínicas Municipais com Programa de Saúde Mental 
  
·         Policlínica Dr. José Antônio da Silva - Rua Aroeira, 55  Monte das Oliveiras;
·         Policlínica Antônio Reis - Rua Escandinávia, 710 – Betânia;
·         Policlínica Castelo Branco - Rua do Comércio, 42  Parque Dez;
·         Policlínica Comte Telles - Rua J, Etapa B, s/n – São José II;
·         Policlínica Franco de Sá - Av. V, s/n – Nova Esperança I;
·         Policlínica Djalma Batista - Rua 23 de Dezembro, s/n – Compensa II. 
 
Policlínicas Estaduais com Programa de Saúde Mental
 
·         Policlínica Zeno Lanzini. Endereço: Av. Autaz Mirim, nº 7035, Tancredo Neves.
·         Policlínica Gilberto Mestrinho. Endereço: Av. Getúlio Vargas, nº 341, Centro.
·         Policlínica José de Albuquerque Lins. Endereço: Rua Maracanã, s/nº, Redenção.
·         Policlínica João dos Santos Braga. Endereço: Av. Margarita, s/nº, Nova Cidade. Policlínica Codajás. Endereço: Av. Codajás, nº 26, Praça 14 de Janeiro.
 
 Saúde Mental no interior 
·         CAPS I Hilda Siqueira Pinto. Endereço: Rua Governador Álvaro Maia, nº 29. Município: Rio Preto da Eva. Contato: (92) 99249-5109.CAPS I São Gabriel da Cachoeira. Endereço: Rua sete de Setembro, s/n, Praia. Município: São Gabriel da Cachoeira. Contatos: (97) 3471-1066 / 98110-6356.
·         CAPS I Iranduba. Endereço: Av. Solimões, nº 188, Bairro Alto. Município: Iranduba. Contato: (92) 3367-2578.
·         CAPS I José Antônio de Araújo. Endereço: Rua 31 de Janeiro, s/nº, Ajuricaba. Município: Manaquiri. Contatos: 99317-1734 / 99129-0588.
·         CAPS I Autazes. Endereço: Rua Marechal Castelo Branco, nº 190, Centro. Município: Autazes. Contato: (92) 3317-1498.
·         CAPS I Nova Vida. Endereço: Rua 24 de Agosto, s/n, Santa Luzia. Município: Nova Olinda do Norte. Contato: 91938-3291.
·         CAPS AD. Endereço: Rua projetada, nº 1803. Município: Manacapuru. Contato: (92) 3361-1151.
·         CAPS I Joaquim Pereira de Castro. Endereço: Av. Ribeiro Junior, nº 424, Centro. Município: Manacapuru. Contato: (92) 3361-1181.
·         CAPS I Codajás. Endereço: Rua Eduardo Ribeiro, Bairro Colônia. Município: Codajás. Contato: (92) 99100-2512.
·         CAPS I Coari. Endereço: Rua Gonçalves Ledo, nº 367, Espírito Santo. Município: Coari. Contatos: (97) 3561-2453 / 3640.CAPS I Guarajá. Endereço: Rua Edison Herculano, s/n, Centro. Município: Guajará. Contato: (97) 99151-5118.
·         CAPS I Eirunepé. Endereço: Rua Intendente José Pedro, nº 0035, Centro. Município: Eirunepé. Contato: (97) 3481-1208.
·         CAPS I Maria Fernandes. Endereço: Av. Mário Andreazza, nº 780, Centro. Município: Apuí. Contatos: (97) 3567-6067 e 99831-9888.
·         CAPS I Humaitá. Endereço: Av. Brasil, nº 983, São Francisco. Município: Humaitá. Contato: (97) 98117-3677.
·         CAPS I José Maria Pantoja. Endereço: Av. Sete de Setembro, s/n, São Sebastião. Município: Borba. Contatos: (92) 3512-1144.
·         CAPS I Manicoré. Endereço: Av. Getúlio Vargas, s/n, Centro. Município: Manicoré. Contatos: (92)99404-9566.
·          CAPS II São Lucas. Endereço: Rua Carla, nº251, Jardim Florestal. Município: Itacoatiara. Contato: 99440-0706.
·          CAPS I Maués. Endereço: Rua Cel. João Viçosa Rolim. Município: Maués. Contato: 99274-7273.
·          CAPS II Adolfo Lourido. Endereço: Rua Herberth de Azevedo, nº 985, Santa Clara. Município: Parintins. Contatos: 3533-1000 e 3533-0093.
·          CAPS I Lígia Rodrigues Barros. Endereço: Rua Marechal Deodoro, nº 610, Centro. Município: Tefé. Contato: (97) 3343-6684.