ACESSIBILIDADE

SUSAM

Secretaria de Estado de Saúde



Fundação Alfredo da Matta será a sede de Seminário das Unidades de Referência em Hanseníase

19/04/2018 13:53:46

A Fundação Alfredo da Matta (Fuam), órgão da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), vai sediar, de 25 a 27 de abril, um evento regional, com foco na erradicação da Hanseníase. O “Seminário das Unidades de Referências: Potencialidades e Desafios rumo ao Brasil livre de Hanseníase – Região Norte”, que acontece no Auditório Damião Litaiff, é uma realização do Ministério da Saúde, sob a Coordenação Geral de Hanseníase e Doenças em Eliminação (CGHDE/MS), e coordenação local da Fuam, referência no tratamento da doença no Estado.

 

O objetivo do Seminário é fortalecer as ações de atenção às pessoas com Hanseníase das unidades municipais e estaduais de referência na região norte.  O evento é destinado às equipes de profissionais que atuam nessas unidades. Da Fuam, participam médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, psicólogos, farmacêutico-bioquímicos, assistentes sociais, dentre outros, além da direção.

 

“É um evento importante do ponto de vista estratégico para a erradicação da Hanseníase no estado, na região norte e no Brasil. Aqui estarão pesquisadores, gestores e profissionais que atuam na área, reunidos num único propósito, que é avançar no sentido de acabar com uma doença milenar que ainda está presente em nosso estado”, destaca o secretário Estadual de Saúde, Francisco Deodato, que deverá participar da abertura do evento.

 

Também estão convidados para a abertura a coordenadora geral de Hanseníase e Doenças em Eliminação do ministério da Saúde (CGHDE/Ministério da Saúde), Carmelita Ribeiro Filha, e o Diretor Presidente da Fuam, médico dermatologista Helder Cavalcante.

 

Segundo Helder Cavalcante, os temas que serão abordados são indicadores operacionais, ações que as unidades de referência em Hanseníase podem executar para a melhoria dos indicadores locais, manejo de pacientes com recidiva, resistência medicamentosa e com incapacidades físicas. “Vamos propor a discussão e identificação de problemas, indicar condutas e propor soluções para o tratamento dos pacientes com a Hanseníase”, explica Cavalcante.

 

O Seminário tem a proposta de ser um espaço para diálogo entre os profissionais participantes, adotando uma metodologia ativa e participativa, com vistas a dar alcance às diferentes perspectivas sobre o controle da Hanseníase nos Estados e municípios da região Norte. O evento contará com palestras de pesquisadores da Fuam, do Ministério da Saúde, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Universidade de Brasília e CGHDE, além de representantes das unidades de referência em Hanseníase dos Estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins.

 

Hanseníase no Amazonas – Em 2017 foram identificados 458 casos novos de hanseníase no estado, sendo 34 em menores de 15 anos e 424  em maiores de 15 anos. Do total, 60,7% dos casos foram em pessoas do sexo masculino. O Amazonas ocupa hoje a 16ª posição entre os Estados brasileiros, em relação ao coeficiente de detecção da Hanseníase, com 11,2 casos para cada grupo de 100 mil habitantes. "Estamos investigando mais, examinando mais pacientes; visitamos 100% dos municípios amazonenses em 2017, por isso, os números ainda são considerados altos, segundo o parâmetro do Ministério da Saúde, mas identificando mais casos, vamos agir mais cedo e intervir, diminuindo a transmissibilidade da doença, o que no futuro significará redução deste total", explica o Diretor da Fuam, Helder Cavalcante.

 

 

PROGRAMAÇÃO

Dia 25/04

8 às 8h30 - Recepção e credenciamento

 

8h30 às 8h50 - Abertura: Coordenadora Geral de Hanseníase e Doenças em Eliminação (CGHDE/DEVIT/SVS/MS) Carmelita Ribeiro Filha, Diretor da Fuam Dr Francisco Helder Cavalcante de Sousa e Secretário de Saúde do Amazonas Dr Francisco Deodato Guimarães.

 

8h50 às 9h10 - Os gargalos dos indicadores operacionais e como as referências podem ajudar a melhorar os indicadores locais.

Carmelita Ribeiro Filha - CGHDE/MS

 

9h10 às 9h30 - Uma retrospectiva das tentativas de controle da Hanseníase

Dr Sinésio Talhari - Comitê Técnico Assessor / MS/Fuam/AM

 

9h30 às 10h50 - Painel I: Unidades de Referências: Potencialidades e desafios rumo ao Brasil livre de hanseníase

Condução: Eliene da Rós - CGHDE/MS

9h30 às 9h50 - Estado do Acre / Franciely Gomes Gonçalves

9h50 às 10h10 - Estado do Amapá - Rozângela Maria Rodrigues Gurjão

10h10 às 10h30 - Estado do Amazonas - Dr Francisco Helder Cavalcante de Sousa

 

10h30 às 10h40 - Intervalo

10h40 às 12h - Discussão em plenária

12 às 13h30 - Almoço

 

13h 30 às 15h - Mesa 1: Diagóstico Clínico e tratamento

Condução: Dr Luiz Cláudio Dias

13h30 às 14h - Diagnóstico clínico e diferencial

Dra Paula Frassinetti Rebello - Fuam/AM

14h às 14h30 - Tratamento poliquimioterapia e efeitos adversos

Dra Maria das Graças Souza Cunha - Fuam/AM

14h30 às 15h - Esquemas alternativos

Dra Rossilene Conceição da Silva Cruz - Fuam/AM

 

15h às 15h30 - Discussão em plenária

15h30 às 15h50 - Intervalo

 

15h50 às 16h50 - Mesa 2: Investigação diagnóstica em menores de 15 anos, estados reacionais e tratamento.

Condução: Valderiza Lourenço Pedrosa

15h50 às 16h20 - Investigação dos casos de hanseníase em menores de 15 anos

Dra Carolina Talhari Cortez - Fuam/AM

16h20 às 16h50 - Estados reacionais e tratamento

Dra Maria de Fátima Maroja - Fuam/AM

 

16h50 às 17h20 - Discussão em Plenária

17h30 - Encerramento 1º dia

 

Dia 26/04

 

9h às 10h - Painel II: Unidades de Referências: Potencialidades e desafios rumo ao Brasil livre de hanseníase

Condução: Eliene da Rós - CGHDE/MS

9h às 9h20 - Estado do Pará / Rita de Cássia Pamplona Beltrão

9h20 às 9h40 - Estado de Rondônia / Albanete Araújo

9h14 às 10h - Estado de Roraima / Márcia Silva de Souza

10 às 10h20 - Estado do Tocantins / Suen Oliveira Santos

 

10h20 às 10h40 - Intervalo

10h40 às 12h - Discussão em plenária

12 às 13h30 - Almoço

 

13h30 às 15h - Mesa 3: Manejo de incapacidades: como identificar problemas, indicar condutas e acompanhar o tratamento

Condução: Dr Pedro Aurélio Cunha - Fuam/AM

13h30 às 14h - Avaliação neurológica como indutora de condutas

Dra Luciana Miranda/MG

14h às 14h30 - Cirurgias em hanseníase: quais são e quando indicá-las

Dr Elifaz Cabral - RO

14h30 às 15h - Reação X incapacidades

Dr Luiz Cláudio Dias - Fuam/AM

 

15h às 15h30 - Discussão em plenária

15h30 às 15h50 - Intervalo

 

15h50 às 16h50 - Mesa 4: Hanseníase: Recidiva e Resistência

Condução Patrícia Samarco - ILSL/SP

15h50 ás 16h20 - Recidiva em hanseníase

Dra Maria Leide Oliveira - UFRJ/RJ

16h20 às 16h50 - Resistência medicamentosa

Cynthia Ferreira - Fuam/AM

16h50 às 17h20 - Recidiva: A perspectiva do sistema de informação

Elaine da Rós - CGHDE/MS

 

17h20 às 15h50 - Discussão em plenária

18h - Encerramento 2º dia

 

Dia 27/04

 

9 às 11h - Ensaio Clínico U-MDT/CT-BR e investigação da resistência medicamentosa

Condução: Dra Rossilene Conceição da Silva Cruz - Fuam/AM

9 às 10h30 - Resultado do ensaio clínico U-MDT/CT-BR e tratamento único para hanseníase

Dr Gerson Penna - UNB/DF

10h30 às 11h - Implantação da investigação da resistência medicamentosa em hanseníase

Trícia Mota - CGHDE/MS

 

11h às 12h - Discussão em plenária

12h às 13h - Almoço

 

13 às 16h - Painel III: Pesquisas regionais: resultados de tratamento, recidiva, resistência e estado reacional

Condução: Dra Jacqueline Sachett

13h às 13h20 - Estudo comparativo das alterações hematológicas em pacientes incluídos no "Ensaio Clínico para avaliação da eficácia do esquema único de multidrogaterapia no tratamento da hanseníase (U-MDT-CT-BR)

Dra Rossilene Conceição da Silva Cruz - Fuam/AM

13h20 às 13h40 - Marcadores Moleculares e Sorológicos da Hanseníase: Suporte ao Diagnóstico Clínico de Pacientes e Vigilância de Contatos

André Leturiondo - Fuam/AM

13h40 às 14h - Marcadores genéticos para Diagnóstico precoce da Hanseníase

Dra Fabíola Costa Rodrigues - Fuam/AM

14h às 14h20 - Recidiva/Reinfecção de Hanseníase multibacilar detectados desde 1992 até 2016 em dois centros de referência de Hanseníase em Porto Velho - Rondônia

Dra Kazue Narahashi

14h20 às 14h40 - Ferramenta de monitorização on line (NotificaSUS) de pacientes diagnosticados com hanseníase no município de Palmas/TO

Raiame Silva Mocelai

 

14h40 às 16h Discussão em plenária

16h Encerramento.