ACESSIBILIDADE

SUSAM

Secretaria de Estado de Saúde



Deodato acompanha atendimentos no HPS Zona Norte e reforça a manutenção de todos os serviços

03/05/2018 09:54:28

O secretário estadual de Saúde, Francisco Deodato, acompanhou, na tarde desta quarta-feira (02/05), os atendimentos no Hospital e Pronto-Socorro da Zona Norte. Desde sábado (28/04), a unidade passou a ser administrada por uma comissão de gestores da Secretaria de Estado de Saúde (Susam). Deodado foi acompanhar de perto a rotina dos serviços na unidade e aproveitou para reunir com a equipe de transição, que está comandando o HPS até a conclusão do processo de seleção da Organização Social que irá substituir o Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento (Imed), cujo contrato encerrou a vigência.
A Secretaria está qualificando novas organizações sociais interessadas em participar do processo de seleção que resultará em um novo contrato de gestão. Deodato reforçou que todos os serviços que vinham sendo prestados antes, estão mantidos. “A ideia é produzir ao máximo dentro da capacidade que a unidade tem, porque a população está precisando”, afirmou.
O secretário ressaltou que, no momento, a prioridade da Susam é manter a qualidade dos serviços já instalados na unidade e ampliar a oferta destes, otimizando o uso dos recursos existentes. Além dos serviços, o quadro de pessoal foi todo mantido, para não alterar a rotina de atendimento. “Vamos consolidar essa etapa (da transição) e, no momento certo, o Governo apresentará à população os novos serviços que irão ser oferecidos”.
O HPS Zona Norte funciona com 40 leitos de pronto-socorro (20 adulto e 20 infantil), 112 leitos de internação e dez leitos de UTI, além do Centro de Diagnóstico, que realiza exames de Raio X, Tomografia, Ressonância, Ultrassonografia, Endoscopia, Colonoscopia, Ecocardiograma, Mapa, Holter, Mamografia, Exames Laboratoriais, Eletrocardiograma.
Desde sábado, até a tarde desta terça-feira, a unidade havia atendido cerca de 2,1 mil pessoas, somente no pronto-socorro, o que para os gestores está dentro da rotina. Um diferencial é a ampliação do apoio às outras unidades da rede estadual de saúde. A capacidade do parque de imagem está sendo usada para atender pacientes que estão em prontos-socorros. Outros dois andares de enfermarias, com 56 leitos dão retaguarda para os prontos-socorros.