ACESSIBILIDADE

SUSAM

Secretaria de Estado de Saúde



Susam dá dicas de prevenção às doenças respiratórias no período chuvoso

30/01/2019 08:56:47

O período de chuvas na região amazônica, que costuma ocorrer nos meses de dezembro a maio, é também o de maior incidência de doenças respiratórias.   

 

O pico de atendimento nas unidades da Secretaria de Estado de Saúde (Susam) acontece de abril a maio, mas, desde já, é possível observar que alterações climáticas na região têm forte influência na saúde, principalmente de crianças.   

 

No período chuvoso, os prontos-socorros infantis aumentam significativamente o número de atendimentos de crianças com problemas do aparelho respiratório, como as gripes e resfriados, asma, bronquiolite, faringite, amigdalite, rinite, sinusites e pneumonia.   

 

Conforme balanço da gerência de urgência e emergência da Susam, no Pronto-Socorro da Criança (HPSC) da Zona Oeste, no bairro Compensa, de junho a novembro de 2018, foram feitos 8.950 atendimentos em crianças com doenças do aparelho respiratório.    de dezembro de 2017 a maio de 2018, subiu para 18.948 atendimentos, um aumento de 11,7%.   

 

Segundo a diretora da unidade, Julia Fernandes Marques, no período chuvoso, em média, 50 crianças passam diariamente pela sala de nebulização.    o dobro dos dias normais.