ACESSIBILIDADE

SUSAM

Secretaria de Estado de Saúde



Comissão Intergestores Bipartite do Amazonas aprova melhorias no Complexo Regulador

21/10/2019 19:25:57

A otimização da oferta de consultas especializadas no Sistema de Regulação (Sisreg) e a ampliação do orçamento da ajuda de custo dos pacientes do Tratamento Fora de Domicílio (TFD) foram duas das quatro ações de saúde aprovadas durante a Comissão Intergestores Bipartite do Amazonas (CIB/AM) realizada nesta segunda-feira (21/10), na sede da Secretaria de Estado de Saúde (Susam).

 

"As ações aprovadas na CIB vão melhorar a saúde no Estado do Amazonas. A otimização dos atendimentos, por exemplo, vai possibilitar que as filas de espera para as consultas especializadas sejam reduzidas. Já o aumento do orçamento para ajuda de custo no TFD vai atender os usuários, que a cada mês cresce, e evitar o atraso nos pagamentos", destacou o secretário de Estado de Saúde, Rodrigo Tobias.

 

De acordo com a coordenadora do Complexo Regulador do Amazonas, Lyana Portela, a oferta de consultas será ampliada com ações para diminuir o absenteísmo (não comparecimento no dia da consulta marcada), que hoje é elevado. E também com as unidades informando melhor sua capacidade de atendimento.

 

“Temos uma pré-análise sobre as especialidades, para sabermos quanto cada especialidade apresenta de absenteísmo. Aí vamos aplicar esse percentual utilizando a agenda no ‘overbooking’ (ofertando quantidade maior do que a capacidade) das unidades”, explicou Lyana.

 

Segundo Lyana Portela, essa estratégia vai otimizar os atendimentos de consultas especializadas nas unidades de saúde com a oferta já existente. “A ideia é otimizar o que a gente tem disponível hoje”, disse a coordenadora.

 

Também foi aprovada na CIB a pactuação referente à ampliação do orçamento da ajuda de custo do TFD. Hoje o valor é de R$ 750 mil mensais. A proposta é ampliar para R$ 915,4 mil.

 

Conforme o relator do processo, secretário Executivo de Saúde do Interior, da Susam, Cássio Roberto do Espírito Santo, a análise da série histórica apresentada de 2015 a 2019 demonstra um aumento progressivo no quantitativo de solicitações de TFD.

 

“Nesse sentido, estima-se que até o final do ano sejam formalizados 561 processos. Além disso, o TFD tem realizado 332 atendimentos por mês. Aproximadamente 250 usuários encontram-se em tratamento permanente fora de domicílio e a maioria necessita de acompanhante”, afirmou Cássio.

 

Se comparado ao mesmo período do ano passado, entre janeiro e setembro, o valor da ajuda de custo aumentou cerca de R$ 700 mil. “Com a pactuação, vamos normalizar os pagamentos”, ressaltou Lyana Portela.

 

Foram aprovadas, ainda, pela CIB, as habilitações de Centros Especializados em Reabilitação - CER tipo II e CER tipo IV -  e a proposta de implantação de um Centro de Implante Coclear para o Pronto Socorro da Criança da Zona Oeste.

 

Fotos: Divulgação/Susam