ACESSIBILIDADE

SUSAM

Secretaria de Estado de Saúde



Municípios participam de Oficina para Plano de Contingências do Covid-19

11/03/2020 14:59:40

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) realizou nesta terça-feira (10/03) uma Oficina para Instrumentalização dos Planos de Contingência Municipais para Resposta Rápida aos Vírus Respiratórios – Covid-19, na sede do órgão, durante todo o dia. O evento contou com a participação dos secretários municipais de Autazes, Careiro da Várzea, Careiro Castanho, Iranduba, Itacoatiara, Manacapuru, Rio Preto da Eva e Presidente Figueiredo.

A oficina abordou pelo período da manhã o atual cenário epidemiológico do Covid-19, a coleta de amostra e o diagnóstico diferenciado que será realizado no Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen-FVS), além da  importância das medidas de precaução contra o Covid-19. Na parte da tarde, foi discutida a elaboração dos planos de contingência, de acordo com a realidade local.

De acordo com a coordenadora do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs-AM), Liane Souza, os municípios que compõem a região precisam se preparar para um cenário de diagnóstico do Covid-19. “Todos os dias há mais confirmações de casos de Covid-19, em diversas regiões do país, diante das evidências, as vigilâncias municipais precisam ser atualizadas com os novos protocolos compatíveis aos níveis de emergências”, disse.

Mesmo sem ter casos confirmados da doença no Amazonas, Liane explica que o monitoramento de síndromes agudas graves deve ser avaliado com os atuais critérios de transmissão preconizados pelo Ministério da Saúde.

“O Amazonas, a partir de agora, passa a fazer o diagnóstico do Covid-19, seguindo o protocolo de caso suspeito de pessoas com histórico de viagem recente para um dos 60 países com transmissão da doença”, explicou.

Presente na oficina, a secretária municipal de Presidente Figueiredo, Sandra Braga, avaliou como positivo esse momento. “Enquanto gestora e profissional de saúde, é necessário estar preparada, tendo em vista que a ameaça pode vim tanto de outro país, como também de outros estados “, comentou.

Último Boletim de SRAG – Segundo o boletim nº 9, foram notificados, até o momento, 253 casos de SRAG, sendo 224 apenas na capital amazonense. Destes, foram confirmados 49 casos por vírus respiratórios, sendo identificados 21 casos provocados por Adenovírus, 15 casos de Influenza B, seis para Vírus Sincicial Respiratório (VRS), quatro por Influenza A (H1N1), dois para Metapneumovírus e dois para Parainfluenza 1.

No total, foram registrados, a partir de novembro, 31 óbitos por SRAG. Desses, nove foram por vírus respiratórios e 22 por outras síndromes respiratórias não virais. Os nove óbitos por vírus respiratórios foram de pessoas residentes em Manaus, sendo 4 por Adenovírus, 3 por Influenza B, 1 por Vírus Sincicial Respiratório (VRS) e 1 por Metapneumovírus.

Atualização epidemiológica do Covid-19 no Amazonas – A FVS-AM informa que, nesta segunda-feira (09/03), passou para três o número de casos suspeitos de Covid-19 no Amazonas, com a inclusão, neste fim de semana, de uma pessoa com registro de viagem recente para os Emirados Árabes Unidos. Quatro casos foram descartados.

Monitorados - As autoridades de saúde do Amazonas informam que foram liberados do monitoramento as duas pessoas presentes no voo do primeiro paciente confirmado para o Covid-19 do país. As pessoas permanecem saudáveis.